Pular para o conteúdo
Início » Descubra 05 coisas da cultura italiana que irão facilitar sua transição para uma nova vida na Itália

Descubra 05 coisas da cultura italiana que irão facilitar sua transição para uma nova vida na Itália

vida na Italia

Quando pensamos ou planejamos nossa vida na Itália, vem sempre aquela empolgação e às vezes não pensamos no que vamos encontrar pela frente porque nem mesmo sabemos, de fato, os desafios que vem pela frente.

Publicidade

A cultura, os costumes e as tradições podem ser diferentes e levar tempo para nos acostumarmos. Se você está pensando em se mudar para cá, é importante conhecer as curiosidades e peculiaridades da vida no país para facilitar a sua adaptação.

Neste artigo, vamos abordar alguns assuntos básicos, e algumas situações desagradáveis, pelas quais nós passamos quando chegamos aqui na Itália. Queremos que você leia, e venha mais preparado para entender a cultura italiana e enfrentar, com tranquilidade, tudo o que vem pela frente.

vida na itália
Itália – Fonte: Pixabay

Quais são os desafios para quem quer mudar para a Itália?

Elencamos aqui algumas curiosidades da vida na Itália que quando viemos morar aqui não sabíamos o que íamos encontrar, nos gerando surpresa em alguns aspectos e em alguns momentos, uma certa desilusão.

Publicidade

Esperamos poder te preparar melhor para a sua transição, te antecipando desses assuntos que nem são perrengues, podem ser só uma curiosidade, mas que te ajudarão a entender e a organizar sua nova vida aqui.

Vamos a eles:

1) A língua italiana:

Isso é o básico do básico. Sem falar a língua italiana, o seu projeto não terá um bom começo e muito menos será bem-sucedido.

Quem quer morar aqui deve estar preparado para estudar a língua antes de chegar e praticá-la sempre que possível.

Quando chegar na Itália você já deve entender alguma coisa ao ponto de conseguir fazer uma compra no mercado, procurar uma escola para seu filho, ou ir até a Comune para fazer a sua carteirinha da saúde, por exemplo.

São assuntos essenciais como esses, que não podem esperar você aprender a língua aqui. Caso contrário, vai depender sempre de alguém para resolver os seus problemas e pode ser que esses problemas não sejam resolvidos da sua maneira.

Me lembro de querer discutir a adaptação da nossa filha na escola com a professora, ou o valor das contas que tínhamos que pagar na imobiliária, e sem conseguir nos expressar tão bem, a situação era sempre muito embaraçante.

Onde procurar curso de língua italiana para estrangeiro na Itália:

Publicidade
  • Biblioteca Municipal – as bibliotecas na Itália são muito ativas e sempre promovem cursos gratuitos e atividades para crianças
  • Caritas – esta entidade atua na promoção e inclusão dos estrangeiros na Itália, oferecendo curso gratuito de língua italiana para estrangeiros
  • Nas igrejas – não oferecem cursos, mas podem te orientar onde procurar
  • Caffe Scuola – este site oferece curso de italiano gratuito online com lições, exercícios e livros

2) Alugar uma casa na Itália:

Talvez este seja o ponto mais difícil de todos os outros assuntos, quando falamos em vir morar aqui.

Sem um histórico bancário, ou uma pessoa que possa ser o seu fiador (mesmo assim pode ser complicado), é muito difícil conseguir alugar um apartamento logo no início.

É preciso ser muito paciente e tentar desenvolver um contato mais próximo com alguma imobiliária, fazendo com que o corretor te conheça cada vez mais e sinta confiança em você, passando essa confiança para os proprietários.

Mesmo pagando vários meses adiantado (já soubemos de casos que queriam pagar 1 ano de aluguel antecipado), a maioria dos proprietários não gostam de alugar casa para quem não tem comprovação sólida de garantias que possam cumprir com o contrato.

Então, no começo, procure por casas ou apartamentos de breve temporada em agências especializadas neste ramo e, aos poucos, com um contrato de trabalho nas mãos, tudo muda e você consegue a sua primeira casa.

Aqui é um ótimo exemplo o quanto é importante o seu italiano ter um bom nível, pois quanto mais alto for o seu nível, melhores são as suas chances de conseguir uma boa casa. Muitos corretores não têm a paciência de tentar entender o que o estrangeiro está querendo dizer, e dessa forma não se empenha na procura por um imóvel.

Nossa dica: Isso nós aprendemos aqui. Não faça o primeiro contato com a imobiliária por telefone, já que pelo sotaque o corretor vai ver que é estrangeiro e não vai levar avante o seu pedido. Vá pessoalmente, e aos poucos, estreite mais este relacionamento com o corretor, tudo ficará mais fácil.

3) Horário das refeições ou a “pausa pranzo”:

Na Itália, como a maioria das cidades são pequenas, as refeições são levadas a sério, com o almoço geralmente ocorrendo entre 12h30 e 14h e o jantar entre 19h e 21h. Os brasileiros devem estar preparados para reorganizar seus horários de refeições de acordo com os costumes locais. O comércio fecha as portas na hora do almoço e a cidade fica parecendo domingo, exagerando um pouco, mas não muito.

Em geral, o comércio fecha às 12:30h e volta às 15:30h. Ou seja, você não vai conseguir comprar aquele material do seu filho que está faltando na hora do seu almoço (ou seja, na folga do trabalho), porque assim como você, o dono da papelaria estará almoçando.

4) O inverno da Itália:

Vida na italia
Inverno na Itália – Fonte: Pixabay

O inverno na Itália não é um dos mais rigorosos da Europa, mas principalmente no norte do país, é bem mais frio do que no Brasil. Portanto, esse é um fator que se deve considerar ao decidir vir morar aqui. Acordar durante 3 meses com sensação térmica negativa (isso aqui no norte da Itália), e dias muito curtos não é fácil, e isso vai te fazer repensar algumas vezes porque você veio para cá.

A dica é aquela que todos nos aconselham, aprenda a se vestir e se vista com as roupas certas para o frio não te atrapalhar, ou seja, as roupas de frio que usamos no Brasil não funcionam aqui. E outra dica, se vista em camadas.

Nas crianças, sempre coloque a camiseta de manga curta embaixo da camiseta de manga comprida (em italiano, esta camisetinha é chamada de canottiera), isso faz com que o peito da criança fique mais protegido. Só deixamos de colocar a canottiera na criança no meio da primavera.

Sapatos sempre impermeáveis além de toucas, luvas e cachecol sempre! Os casacos impermeáveis também ajudam bastante.

Aos poucos, inverno após inverno, a gente acaba aprendendo como enfrentar o frio e ele não abalar tanto nossa rotina e bem-estar.

5) O preconceito contra o estrangeiro:

Apesar da Itália ter migrado bastante para outros países e já ter recebido muitos imigrantes aqui, existe sim um preconceito por parte de alguns italianos, principalmente contra aqueles que não falam a língua. Mas claro que não podemos generalizar por que tem pessoas mais abertas a conhecer novas culturas, principalmente aquelas que são viajadas e tiveram de alguma forma uma experiência fora da Itália.

Os mais velhos são os mais resistentes a se envolver com os estrangeiros, e quanto mais ao norte da Itália, mais esse preconceito é exacerbado. Nas cidades grandes como Milão e Roma, a receptividade é maior.

Em geral, os brasileiros são bem aceitos, pois gostam muito do nosso jeito alegre e bem-humorado. Na verdade, eles não entendem o porquê de sermos assim. Lembro uma vez, que uma professora de italiano se mostrou surpresa ao ver que, todos os dias as alunas brasileiras estavam sempre sorrindo, e de bem com a vida. Para eles isso é uma coisa admirável. Ponto para a gente!

Este é mais um assunto que reforça a necessidade de aprender bem a língua italiana, pois quanto mais dominar a língua menos sentirá esse preconceito.

Concluindo:

A adaptação a um novo país pode parecer muito desafiadora no início, mas com persistência e determinação, aos poucos, tudo encaixa. Se você tem o desejo de permanecer na Itália, vale a pena superar essas primeiras barreiras e continuar aprendendo sobre a cultura local, aprimorando sempre suas habilidades na língua italiana.

A Itália é um país maravilhoso, rico de história, culinária deliciosa e paisagens inigualáveis.

Tem um ritmo de vida mais lento do que no Brasil, mas uma ótima qualidade de vida. Possui um sistema de saúde público de qualidade, transporte eficiente, segurança nas ruas e muitas opções de lazer e entretenimento acessíveis para todos.

Participar de atividades locais, fazer algum curso, desenvolver um trabalho de voluntariado, e imergir na cultura italiana, são ótimas maneiras de se integrar no novo país e fazer novas amizades.

Portanto, se você tem o desejo de viver na Itália, não desista! É possível se adaptar e desfrutar de tudo o que este país incrível tem a oferecer.

Se esse conteúdo te interessou, continue sua leitura nesse outro artigo sobre a qualidade de vida na Itália.

1 comentário em “Descubra 05 coisas da cultura italiana que irão facilitar sua transição para uma nova vida na Itália”

  1. Pingback: Como ir morar na Itália? Nós te mostramos o caminho. - ALLA ITALIANA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *